terça-feira, 17 de novembro de 2009

O Efeito Pré Sal

Diz a lenda que "tem coisas que só acontecem no Botafogo...". Mas a cada dia que passa acredito que temos que mudar essa frase para "tem coisas que só acontecem no Brasil". De repente os marxistas estavam corretos... a teoria econômica que vale para os Estados Unidos talvez não tenha valor por aqui....

Vamos ao ponto: a Petrobras anuncia novas descobertas de petróleo. O governo anuncia que as reservas de petróleo no pré-sal são maiores do que se esperava. Os preços internacionais do petróleo não estão subindo. Resumindo: a disponibilidade (oferta) de petróleo aumentou, os preços internacionais estão estáveis, mas o preço da gasolina subiu.... alguém entende isso?

Este é o efeito pré-sal: aumenta-se a oferta de um bem e o preço dele aumenta!!! Esta é a contribuição genuinamente brasileira para a teoria econômica. A teoria econômica já tinha o famoso bem de Giffen (bem que tem sua demanda aumentada quando seu preço sobe). Agora o Brasil criou o Efeito Pré-Sal: quando ocorre um choque positivo de oferta de um bem (deslocamento a curva de oferta para a direita) o seu preço sobe.

Não meus amigos, a teoria econômica não parece estar errada. O que parece estar errado é o governo e a Petrobras. Uma vez alguém perguntou: qual é a proposta liberal para o pré-sal? Meu amigo José Carneiro deu então uma excelente resposta: "a proposta liberal eu não sei, mas a proposta de viabilidade econômica é clara: não cave".

16 comentários:

Anônimo disse...

Será que não existe nenhum outro fator que provocou alta do petróleo e de outras commodities?

Tipo uma expectativa maior para o crescimento mundial????

Chutando a Lata disse...

Aproveitando o ponto do anônimo. Se é dificil ou impossível prever ou deitar regras sobre a movimentação do preço de uma única commoditie, o que dirá do câmbio que é reflexo de uma penca de variação de preços. Já que estou nessa onda, aproveito pra lembrar também outro ponto. O preço do petroleo sobe ou desce e ninguém fica preocupado se o mundo irá acabar. O mesmo vale para qualquer outra commoditie. E pior! Têm variações, às vezes, espetaculares. Mas por que mesmo ficam preocupados quando é o câmbio que varia?

Anônimo disse...

Professor Adolfo,

O post foi ótimo!

Agora a afirmação do Carneiro foi DEZZZ!!!

Marcos Paulo

Matuschke disse...

O pior que é verdade a produção de petróleo no Brasil aumenta(ou pelo menos espera-se que aumente) e o preço da gazolina também, a verdade mesmo é que vai sair tão caro pra tirar esse petróleo que é melhor nem cavar, invistir mais no ethanoll pra min é a solução de maior bom senso, é um mercado que ainda vai crescer muito.

cristosom disse...

Recebi uma mensagem um tanto quanto "engraçada" pelo GOL. A mensagem consistia em um convite para um ciclo de debates sobre o Pré-Sal, onde o tema e os debatedores eram os seguintes: Tema: “Pré – Sal: Qual o melhor projeto para a nação?” . Debatedores: Direção Nacional do MST – Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra Direção Nacional da FUP – Frente Única dos Petroleiros Direção Nacional da UNE – União Nacional dos Estudantes Direção Nacional da CUT – Central Única dos Trabalhadores Representante do Congresso Nacional Eu pudia jurar que "intenção" da Petrobrás era alcançar resultados para os seus acionistas. Mas eu estava enganado. Não é nada disso! Tive essa "revelação" quando estava na lanchonete do bloco K e vi um cartaz que dizia "50% do Pré-Sal para a Educação". Eu quase chorei com a nobre causa! Realmente fiquei emocionado. Era mais uma "REVOLUÇÃO" da UNE (União Nacional dos Estudantes), fiquei feliz que eles estão evoluindo, pois o antigo discurso era uma luta constante a favor da "carteirinha" para pagar meia nos cinemas e em outros eventos e a busca incessante do "passe livre" para que os trabalhadores paguem as suas passagens no transporte coletivo. Eles de fato EVOLUÍRAM BASTANTE, pois agora não se contentam com a simples meia nos cinemas e querem também a metade do Pré-Sal. Por mim eles ficavam com toda a reserva, só precisariam ir até lá e buscar! Interessantíssimo também são os outros debatedores, a começar pelo MST. O quê o MST tem a ver com o Pré-Sal? Sorte da Petrobrás que o local das reservas não é de fácil acesso, pois caso contrário o mesmo MST iria invadir, destruir as instalações e equipamentos e matar funcionários, tudo isso alegando que as reservas não cumprem a sua função Social. Senhores cuidado com os seus carros no estacionamento, talvez eles não cumpram a função social que deveriam! Temos vários segmentos “tirando onda” como se fossem donos das novas reservas a ponto de criar ciclos de debates para discutir para onde irão os lucros (ainda incertos/inexistentes) de um empreendimento que ilude o honrado POVO BRASILEIRO.

Lucas Santos

Augusto Freitas disse...

Primeiro: ultimamente só se fala dos Royalties do Pré-Sal, mas nenhum petróleo foi retirado da camada Pré-Sal. Estão discutindo o lucro muuuuuuuuuuuuito antes de vender o produto, melhor, muuuuuuuuuuuito antes de produzir o produto.

Segundo: "O quê o MST tem a ver com o Pré-Sal?" Caro Lucas, o MST é o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, não especifica se superficial ou subterrânea (risos).

Terceiro: meu caro amigo Nilo também disse uma frase fantástica com relação a essa idéia que estão vendendo de que a Petrobrás é nossa, de que o Pré-Sal é nosso, ele disse mais ou menos assim: "Se a Petrobrás é minha eu quero vender minha parte". Pois é, eu também quero.

Anônimo disse...

Se vcs têm ações da Petrobras vcs podem vender a hora que quiserem.

Se um prof de economia e estudantes podem debater o assunto Pré Sal pq o MST não pode? Esse é o tipo de assunto que todos nós devemos debater e nos inteirarmos... não adianta vc dizer; o MST debatendo isso? Se vc nem sabe sobre qual ponto eles estão discutindo. Deixe de extremismo!
E tente ver as coisas por outros ângulos. ninguém pode ser contra algo que nem sabe o que é. A verdade é diferente para todo mundo e se vc acha que a de uns não está correta, primeiro vc deve procurar saber em que eles acreditam.

E a UNE está e sempre esteve presente nas principais discussões políticas/econômicas do Brasil, não se engane.
Muitas vezes foi usada como massa de manobra, mas sempre esteve lá. E vários 'líderes' que estão no comando do país hj passaram por lá. Então não subestime o poder dos estudantes, pq para mim, que sou estudante, fica parecendo que vc está se referindo a nós(todos os estudantes) e que servimos como massa de manobra, por não termos capacidade de transformação...

Anônimo disse...

Pior é que a gasolina aumentou somente em alguns lugares.
E parece que haverá novos ajustes nesse mês. É, realmente, um absurdo! e dizem que os problemas são as chuvas constantes...

José Carneiro da Cunha disse...

Transformar o debate do pré-sal em questão política é o primeiro passo para o desastre.

O pré-sal é uma possível oportunidade de investimento e do ponto de vista da análise de investimento não é viável.

Fora uma retórica vazia, investir em tal projeto é contribuir para a redução do crescimento e priora da qualidade do gasto em infra-estrutura no país, além de desviar recursos de boas aplicações para um má opção.

De fato, a necessidade de se politizar tal debate é prova banal de que, do ponto de vista lógico, financeiro e responsável, essa não é uma boa aplicação.

Abs

José Carneiro

Anônimo disse...

Adolfo, extremismo é achar que você está se referindo a todos os estudantes. O anônimo acima viajou...
Sem contar que os líderes que estão no comando do país hoje, que já pertenceram a UNE, devem ser os mesmos que financiam o MST!

Anônimo disse...

Professor Adolfo está famoso...

Anônimo disse...

Anônimo (das 04:03 hs, de 18/11),

Se você está ligado a um Diretório Acadêmico ou a um CA e não é dirigente, (de nenhum dos dois), você é massa de manobra. Mais ainda, você é bucha de canhão. Vocâ já alguma general levar porrada? É a mesma coisa no movimento estudantil. Não se engane, se você não estudar muito e esquecer o tal movimento estudantil, a não ser que consiga ser deputado ou senador algum dia, você estará ferrado.

Augusto Freitas disse...

"E a UNE está e sempre esteve presente nas principais discussões políticas/econômicas do Brasil, não se engane... E vários 'líderes' que estão no comando do país hj passaram por lá."

Por isso que o Brasil é uma merda! Por esse motivo que promovemos um Pan(demônio) de corrupção, porque o Orlando Silva foi da UNE.

Ginno disse...

Achei extremismo um 'grupo' organizado que recebe verba do governo federal invadir uma fazenda e destruir cinco mil pés de laranja. No país serio daria 20 anos de cadeia, aqui no Brasil eles ainda acham quem os defende. Existem paises que dar petróleo no meio da canela, nos vamos extrair petróleo (se é que vamos mesmo) quase do centro da terra (rsrsrs). A que preço vai sair isso? Uma vez que o pré-sal já inaugurou um novo efeito: Oferta aumenta, preço aumenta.

Abraço a todos,

Ginno

Anônimo disse...

Falando em gasolina, esse é um excelente tema para um post:

Existe cartel dos postos de gasolina em Brasilia, ou é pura coincidencia todos os postos terem o mesmo preço? heheh

Fábio Mayer disse...

Essa é a lógica do Estado brasileiro, que existe para deferir MORDOMIAS para políticos e suas amantes, familias e correligionários...

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email