quinta-feira, 24 de maio de 2012

Dia de Liberdade de Impostos e o Malvado Rei da Idade Média

Nesta sexta-feira comemora-se o dia de Liberdade de Impostos. Para comemorar essa data, posto novamente o post que escrevi em 27 de junho de 2008.

O Estado Brasileiro e o Malvado Rei da Idade Média

Durante a Idade Média os pobres sofriam na mão dos reis: eram obrigados a trabalhar 1 dia por semana de graça para o malvado rei. O Estado Brasileiro arrecada ao redor de 36% do PIB, isso equivale a obrigar o trabalhador a trabalhar 2,5 dias por semana de graça para o Estado. Em palavras, hoje trabalhamos segunda, terça e a parte da manhã de quarta-feira apenas para pagar impostos.

Como contra-partida aos impostos o Rei era obrigado a conservar estradas, emprestar o moinho (capital) aos pobres, zelar pela segurança interna e externa do reino. Já o Estado Brasileiro é obrigado a fornecer educação, saúde, moradia, e segurança. Fica evidente que tanto o rei quanto o Estado Brasileiro falham em suas obrigações. Contudo, temos uma vantagem importante para o rei: ele pelo menos custa menos.

No Brasil quase 60% da atividade econômica esta ligada, direta ou indiretamente, ao Estado. Praticamente nada pode ser feito sem a intervenção estatal, daí que as poucas empresas capazes de sobreviver no Brasil são obrigadas a se unir ao poder público, aumentando ainda mais o poder do Estado.

Trabalho duro e honesto, esse é o segredo que nossos pais nos ensinaram. Esse é o segredo para o sucesso. Quanto mais intervenção estatal tivermos mais distante estaremos de nossos objetivos, mais honestidade e trabalho seremos obrigados a abdicar em favor das benesses do Estado. O Estado NÃO É seu amigo, ele é que toma seu dinheiro e nada lhe dá em troca. Só existe um caminho possível para preservarmos nossa liberdade: REDUZIR O TAMANHO DO ESTADO.

O muito obrigado do Sachsida ao Instituto Mises Brasil, ao Movimento Endireita Brasil, e ao Instituto de Formação de Líderes, que são os organizadores dessa bela iniciativa.

Um comentário:

Anônimo disse...

Concordo com o que foi dito ao longo do texto. O que observamos na atualidade e na idade media é que os Brasileiros trabalham, trabalham, mas o esforço do trabalho não é recompensado fica na mão do Estado, ou seja, são os impostos. Os empregados dão ‘’duro’’ e a maior parte da carga horaria de serviço é para pagar impostos. E é tanto imposto acumulado pelo governo, que acho que deveríamos ter uma educação, saúde bem melhor. Pra onde vai tanto dinheiro arrecadado pelos impostos? Pois melhorias nas coisas mais necessárias não temos e olha que esses direitos são assegurados pela nossa constituição. Mais querendo ou não somos ‘’dependentes’’ do estado e como acabar com isso? Já que como foi dito, 60% da atividade econômica esta ligada ao Estado. Natalia Barros.

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email