segunda-feira, 27 de agosto de 2012

IPI e Inflação

Do ponto de vista de estímulo à demanda faz pouco sentido prorrogar a isenção do IPI para automóveis. Afinal, da maneira como foi anunciada, a redução era temporária. Sendo assim, os consumidores anteciparam suas compras para tomar vantagem de uma redução temporária de impostos (algo que qualquer estudante é capaz de entender).

Resumindo, prorrogar a isenção do IPI provavelmente terá pouco impacto nas vendas de automóveis. Isso é tão óbvio que até o governo já entendeu isso. O problema é que se a alíquota do IPI for aumentada isso terá impacto direto na inflação (que já dá sinais de querer subir). Este é mais um exemplo do governo usando política tributária para controlar a inflação. Alguém duvida que isso está errado???

3 comentários:

LucaassFerreira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
LucaassFerreira disse...

Sem nenhuma duvida, grande professor! Abs

LucaassFerreira disse...

Como dito no ordem livre... http://www.ordemlivre.org/2012/01/as-algemas-economicas-do-brasil/ por um Brasil mais livre! Abs professor.

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email