terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Estupro Coletivo na Índia e o Relativismo Cultural

A notícia do estupro coletivo sofrido por uma jovem na Índia tem gerado revolta em todo mundo. A inaceitável violência cometida por 6 homens, que resultou na morte da vítima, mostrou um lado sombrio da sociedade indiana. Uma sociedade fortemente patriarcal e, ainda, muito influenciada pelo sistema de casta.

Interessante notar que os defensores do relativismo cultural se omitiram durante esse fato. Onde estão os valentes que são sempre os primeiros a gritar: “Não podemos julgar outras sociedades com base nos padrões de moralidade ocidentais!!”? Podemos sim! Podemos e devemos! O que ocorreu na Índia foi horroroso e é um dever moral de qualquer ser civilizado criticar isso.

Então este blog lança a pergunta: o que os defensores do relativismo cultural tem a dizer sobre o que ocorreu na Índia?

Aliás, vamos fazer mais outra pergunta: até quando a sociedade brasileira vai tolerar o infanticídio realizado pelos índios brasileiros?

Nenhum comentário:

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email