terça-feira, 14 de maio de 2013

VideoCast do Sachsida: O que é Neoliberalismo? O que é ser Neoliberal?


Neste videocast explico o que é neoliberalismo, e o que é ser neoliberal.

Este videocast esta baseado no texto abaixo, escrito em 07 de maio de 2013.


O que é ser Neoliberal? Quem são os Neoliberais? Aliás, o que é Neoliberalismo?

Marxista, liberal, conservador, entre outros, são rótulos aplicados a determinadas pessoas para exprimirem um conjunto de valores por elas defendidos. Por exemplo, marxistas são indivíduos que, seguindo as idéias de Marx, são contrários a propriedade privada dos meios de produção, defendem a luta de classes, e argumentam contra a exploração do trabalho pelo capital. Já os liberais são os adeptos da idéia de que deve ser o indivíduo, e não o Estado, o centro da análise, defendem a propriedade privada, e a liberdade individual.

Rotular alguém de neoliberal significa dizer que ele é um defensor do neoliberalismo. Mas, afinal de contas, o que é neoliberalismo? Para definirmos neoliberalismo, devemos necessariamente definir um conjunto de idéias que o representam. De acordo com alguns intelectuais, neoliberal é um canalha. Infelizmente, ser canalha não pode ser critério para definir a afinidade ideológica de alguém. Afinal, Marx era um canalha notório (além de ser racista e odiar judeus, deixou sua própria família em situação bem difícil), mas me parece improvável que alguém aceite rotular Marx de Neoliberal. Sendo assim, a definição padrão de vários intelectuais (de que neoliberal é um canalha), parece não funcionar bem.

Podemos argumentar que neoliberais são os seguidores da doutrina clássica. Assim, diríamos que os neoliberais defendem a liberdade individual e a propriedade privada. Infelizmente, esse espaço já está ocupado. Afinal, liberdade individual e propriedade privada são bandeiras dos pensadores liberais. Talvez neoliberais sejam os seguidores de Adam Smith que refutam a idéia do valor trabalho. Pode ser. Contudo, Hayek, Mises, Friedman, entre outros, mantinham com Smith o apreço pela liberdade. Sendo assim, parece muito mais razoável classificá-los como autores liberais do que neoliberais.

Ao fim e ao cabo, neoliberalismo não existe. Foi uma invenção da esquerda que, incapaz de vencer as idéias liberais, criou uma figura fictícia (o “neoliberalismo”) atribuindo a essa figura uma série de absurdos facilmente refutáveis. Assim, a esquerda criou um mito, o mito do neoliberalismo, atribuindo a essa invenção uma série de absurdos. A vantagem óbvia dessa manobra é que os marxistas, socialistas e demais esquerdistas, não precisavam mais se debater contra a doutrina liberal. Em seu lugar, passaram a atacar o neoliberalismo, figura que as próprias esquerdas criaram.

Quando você lê algum autor escrevendo que “fulano” é neoliberal, isso não torna “fulano” um neoliberal!!!! “Fulano” só se enquadrará como neoliberal se defender abertamente as idéias básicas do neoliberalismo. Contudo, NÃO EXISTE um grupo de idéias básicas ao neoliberalismo, basicamente porque neoliberalismo é uma invenção da esquerda. A esquerda então diz que neoliberal é quem não gosta dos trabalhadores, ou então quem defende o rico contra o pobre, ou então quem é a favor da miséria da população. É evidente que isso é um absurdo, ninguém defende tal conjunto de idéias.

Note que hoje chamar alguém de neoliberal equivale a uma ofensa. Isso decorre exatamente do fato mencionado no parágrafo acima. Quando seu professor disser: “Fulano é um neoliberal”, pergunte a ele, “Professor, o que é um neoliberal?”. Você verá que a resposta será basicamente uma ofensa ou um xingamento. A solidez dos princípios liberais nunca foi abalada, sendo assim a esquerda tenta criar um factóide para tentar evitar sua derrota. Neoliberalismo é isso, um factóide criado pela esquerda ansiosa de evitar sua derrota no confronto de ideias.

Um comentário:

Anônimo disse...

Neoliberalismo é um factóide?

Por Deus! Tem definição para crianças entenderem na wikipédia!

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email