quarta-feira, 31 de julho de 2013

O que passa pelas mentes dos diretores do BACEN????

Vamos deixar uma coisa clara: o Banco Central tem técnicos de nível excelente. Logo, fica difícil entender o que passa pela cabeça dos diretores do BACEN.

Tenho a mais plena certeza de que se formularmos a seguinte pergunta aos técnicos do Departamento de Pesquisa do BACEN: "É possível controlar taxa de câmbio e taxa de juros ao mesmo tempo?", a resposta será: "NÃO!!! Isso não é possível: ou se controla a taxa de câmbio, e o mercado determina a taxa de juros, ou se controla a taxa de juros, e o mercado determina a taxa de câmbio".

Então pergunto: por que o BACEN quer controlar taxa de câmbio e taxa de juros ao mesmo tempo?????

O instrumento adotado pelo BACEN é a taxa de juros. Esse é o mecanismo que deve ser usado. Será que é tão difícil entender isso? Essa lição está a nível de manuais de graduação de economia. Veja, não estou dizendo que controlar juros seja correto. Estou apenas dizendo que dado que o BACEN controla a taxa de juros é o mercado que irá escolher a taxa de câmbio. Essa lição é simples demais...

VideoCast do Sachsida: FORA Foro de São Paulo


Foro de São Paulo: a mais perigosa ameaça a sociedade aberta. Fora Foro de São Paulo!!! Se informe!!! Vá no google e digite: "Foro de São Paulo". Clique aqui para assistir ao vídeo.

terça-feira, 23 de julho de 2013

VideoCast do Sachsida: Crise Internacional Atual Favorece Ajustes no Brasil


Nesse vídeo demonstro que o cenário internacional de 2009 até o presente favorece, e muito, os grandes ajustes necessários na economia brasileira. Com o preço das commodities alto e a taxa de juros internacional baixa, esse é o timming ideal para se fazer as reformas macroeconômicas. Para assistir ao vídeo clique aqui.

Igreja e Estado: A Questão do Casamento

Vamos deixar uma coisa clara de início: não sou filósofo e não sou teólogo. Logo existe uma boa chance de estar falando besteira. Contudo, creio que vale a pena discutir a idéia: a Igreja Cristã precisa mudar o nome do casamento religioso.

Para a Igreja o casamento refere-se a união entre um homem e uma mulher com finalidade de constituir família. No passado, dada a presença da Igreja em diversas regiões afastadas e a incapacidade do Estado, o casamento religioso passou a ter força civil. Isto é, tinha validade frente ao Estado, proporcionando direitos e deveres aos envolvidos. O que começou como UMA AJUDA da Igreja ao Estado, hoje se transformou em algo desnecessário.

Qualquer região hoje, por mais afastada que seja, pode perfeitamente realizar um casamento civil sem a ajuda da Igreja. Contudo, durante o processo acima mencionado, confundiu-se o casamento religioso com o casamento civil. Hoje o Estado regula o casamento civil segundo leis próprias. O exemplo mais vistoso disso é a permissão estatal para o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Em relação ao termo "casamento" a Igreja já perdeu essa batalha, não adianta insistir. O Estado já deixou claro que pessoas capazes, por vontade própria, podem se unir em casamento. Logo é questão de tempo para termos um casamento entre dois homens e quatro mulheres... por que não? Seguindo a máxima de que pessoas capazes, por vontade própria, podem se unir isso é uma consequência óbvia. Em breve teremos também pais casando com filhos. Afinal, novamente aplica-se a máxima: desde que sejam pessoas capazes, por vontade própria, elas tem o direito de se unir em casamento. E cada vez mais o termo "casamento" no sentido religioso se afastará do sentido estatal.

Assim, creio que o melhor mesmo para a Igreja seja mudar o nome "casamento". Usar um termo distinto, algo como, matrimônio cristão ou qualquer nome equivalente. Se a Igreja quer preservar o sacramento do matrimônio da influência do Estado, creio eu ser essa a alternativa a ser adotada. Desnecessário dizer que essa é mais uma prova que a separação de poderes entre Igreja e Estado foi feita para preservar a Igreja do Estado, e não o contrário.

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Imagem Assustadora: Prsidente do STF IGNORA Presidente da República


Não sou fã da Presidente Dilma. Contudo, devemos lembrar que ela é a representante eleita do poder executivo. Inaceitável a postura do Presidente do STF. Joaquim Barbosa, como presidente do STF, representa o poder judiciário. Ele não pode afrontar dessa maneira o poder executivo.

A imagem de Joaquim Barbosa IGNORANDO Dilma Roussef mostra que as instituições em nosso pais estão em perigo. Talvez Joaquim Barbosa tenha seus motivos, mas como representante de um poder ele não pode desqualificar o representante de outro poder.

Clique aqui para ver Joaquim Barbosa IGNORANDO Dilma Roussef.

Marta Suplicy recebendo o Papa...

Marta Suplicy é mais uma contribuição paulista para o subdesenvolvimento brasileiro... impressiona como alguém tão arrogante, burro, chato, grosseiro e sem noção consegue seguidamente estar em cargos altos no Brasil. Essa nobre senhora foi receber o Papa... não tem vergonha na cara. Parece que para aparecer ela não se incomoda em afrontar suas próprias crenças.

Alguns momentos dessa nobre estadista:

1)"Relaxa e goza porque você esquece todos os transtornos depois" (Marta Suplicy). Em referência ao caos nos aeroportos brasileiros

2) Marta da um pedala robinho na fila: "Ao embarcar, o casal Marta e Luis Favre relaxou e decidiu não passar pela revista de bagagem de mão feita por raios X. Os Favre furaram a fila da Polícia Federal. Vários passageiros se revoltaram. Marta respondeu que, no Brasil, para as autoridades não valem as exigências que recaem sobre os brasileiros comuns".

3) Até fila para votar Marta Suplicy fura....

Será que Marta furou a fila para cumprimentar o Papa???

Governo Brasileiro não deveria permitir que Papa desfile em carro aberto


As autoridades brasileiras não deveriam permitir que o Papa desfile em carro aberto. NÃO INTERESSA se essa é a vontade do Papa.

O Papa é um chefe de Estado, existem protocolos de segurança que devem ser respeitados e cumpridos. O Papa está no papel dele, quer aproximar a Igreja dos fiéis, quer dinamizar a Igreja. No entanto, caberia as autoridades brasileiras vetarem esse pedido do Papa. Escolha o nome que quiser "Deus escreve certo por linhas tortas" ou ainda "Deus se manifesta de maneiras estranhas", não interessa. Caberia as autoridades brasileiras impedirem que o Papa desfile em carro aberto. O risco é grande demais.

Pior de tudo é que tal decisão foi anunciada com muita antecedência, isto é, se tinha alguém mal intencionado no mundo, este alguém teve tempo de vir ao Brasil operacionalizar seu intento. Não interessa o esquema de segurança, num carro aberto não há tempo de reação suficiente para os seguranças. Cabe as autoridades brasileiras serem mais realista que o Papa.

VideoCast do Sachsida: Crise Internacional Atual Favorece Ajustes no Brasil


Nesse vídeo demonstro que o cenário internacional de 2009 até o presente favorece, e muito, os grandes ajustes necessários na economia brasileira. Com o preço das commodities alto e a taxa de juros internacional baixa, esse é o timming ideal para se fazer as reformas macroeconômicas. Para assistir ao vídeo clique aqui.

quinta-feira, 18 de julho de 2013

O Viés Pró-Aborto da Imprensa e seu comportamento desonesto

Vejam essa manchete do OGLOBO online "Bancada religiosa pressiona Dilma contra atendimento a vítimas de estupro". Agora vejam essa manchete do MSN notícias "Feliciano quer vetar projeto de auxílio a vítima de estupro". Ou ainda na Folha de São Paulo "Feliciano pede veto a projeto sobre atendimento a vítimas de estupro".

Lendo tais manchetes temos a impressão de que os evangélicos são verdadeiros fascínoras negando atendimento médico a vítimas de estupro. ISSO É MENTIRA!!!

Na prática, esse projeto de lei LIBERA o aborto no país. Ora, os evangélicos são contra o aborto. A bancada evangélica foi eleita democraticamente, defende uma parcela expressiva da população, e defende que a lei seja respeitada. E a lei no Brasil hoje criminaliza o aborto. Logo, qual o problema dessa bancada ser contra tal projeto de lei??? Nenhum, estão no seu pleno direito. Contudo, a imprensa parece ter uma necessidade de criminalizá-los, como se bandidos fossem.

A questão do aborto é difícil. Mas o que é inaceitável são essas manobras parlamentares que querem LIBERAR o aborto por meio de subterfúgios, sem que a questão seja discutida com a sociedade. A decisão de liberar o aborto, caso seja tomada, deve ser feita as claras, com ampla discussão, e não por meio de truques elaborados em gabinetes fechados. A cobertura da imprensa sobre esse projeto de lei é uma vergonha!!!!

VideoCast do Sachsida: Hoje é com os Médicos, e amanhã? Quem serão os próximos?


Esse vídeo mostra como o governo petista esta tentando escravizar os médicos, retirando sua liberdade de escolha. E amanhã? Quem será a próxima vítima? Para assistir clique aqui.

quarta-feira, 17 de julho de 2013

Entrevista com Roberto Ellery

Fiz três perguntas para meu grande amigo Roberto Ellery. Ele gentilmente as respondeu em seu blog. Recomendo a leitura!!!!

Clique aqui para ler as respostas de Ellery.

Abaixo seguem as perguntas que fiz e os respectivos comentários que faço as suas respostas.


1. Você andou postando que nenhuma ditadura te representa. Qual sua opinião sobre o golpe militar no Egito. Como o golpe no Egito pode ser comparado com o Golpe de 1964 no Brasil?

Comentário) Mas se eleições fossem convocadas hoje no Egito o mais provável é que a Irmandade Muçulmana vencesse novamente. Depois de qualquer golpe é necessário dar tempo para que a sociedade civil se reorganize, para que os partidos políticos se reestruturem, e para que a população conheça outras alternativas. Claro que um período de tempo longo demais coloca tudo a perder e fortalece a ditadura, mas um tempo curto pode gerar outra ditadura no lugar da antiga. Sobre 1964 no Brasil, acredito que o golpe (ou revolução) foi mesmo necessário. Em minha opinião, eleições deveriam ter sido convocadas em 1967. Não convocar tais eleições foi um erro crucial que gerou os problemas posteriores da ditadura brasileira.


2. Você acha que o Brasil deve dar asilo a Snowden? Como você compara Snowden a Assange?

Comentário) Snowden é um espião com crise de consciência. Toda democracia utiliza-se de expedientes que beiram uma zona cinzenta, espionagem é uma delas. Um espião que revela segredos de Estado é um traidor para seu país. Contudo, serve a interesses de outros países. Se Snowden arriscasse sua vida pelo Brasil deveríamos recebê-lo, como esse não foi o caso não vejo porque dar asilo a ele. Em relação a Assange concordamos.


3. Qual o valor do câmbio de equilíbrio?

Comentário) Concordamos.

Videocast do Sachsida: China, Bolha Imobiliária e a Mãe de Todas as Crises


Este vídeo descreve a enganação da economia chinesa, a formação de uma gigantesca bolha imobiliária naquele país e aquilo que será a mãe de todas as crises. Para assistir ao vídeo clique aqui.

terça-feira, 16 de julho de 2013

GDF: Fazendo Caridade com Dinheiro dos Outros

O governo do Distrito Federal (GDF) é certamente uma figura: adora fazer caridade com dinheiro dos outros. Parcela significativa do orçamento do Distrito Federal é paga pelo resto do país. Em vez do governador trabalhar para diminuir nossa dependência do resto do país, o que faz ele? Distribui dinheiro público... agora além do Bolsa Família (programa federal), o GDF aumentou as transferências de renda, que já realizava, aos mais pobres. Assim, CADA PESSOA terá DIREITO a uma renda de R$ 140 por mês.

Certamente é uma ótima idéia para aumentar a migração de mendigos de outros estados. Venham mendigar no DF, aqui você ganha mais.

Nada contra programas de renda que ajudem os mais necessitados. Contudo, esses programas não podem ser perpétuos e muito menos garantir padrões de renda independente do indivíduo trabalhar ou procurar emprego. O problema real do Bolsa Família é que as pessoas que o recebem tem dificuldade de deixar o programa, esse é o problema a ser combatido.

No fundo a medida do GDF é eleitoreira, a Dilma provavelmente fará o mesmo com o Bolsa Família.

Falta Vergonha na Cara do jornal O GLOBO

Temas polêmicos são sempre difíceis de se abordar, mas mentir e ludibriar são soluções encontradas por pessoas sem vergonha na cara (no mínimo).

Vejam essa manchete que esta no O GLOBO online: "Bancada religiosa pressiona Dilma contra atendimento a vítimas de estupro". Quem vê pensa logo que a bancada religiosa é composta por bandidos desumanos.... nada mais diferente do que isso: a preocupação da bancada religiosa se refere a questão do aborto.

Você pode ser a favor ou contra o aborto, mas colocar uma manchete como o GLOBO online colocou é coisa de quem não tem vergonha na cara, quer distorcer a informação (no mínimo).

segunda-feira, 15 de julho de 2013

Dia do Homem

Hoje é dia do homem, tal como o dia da mulher, dia do índio, dia do sei lá o que, não diz a que veio. Contudo, uma curiosidade surgiu verificando o padrão de mensagens no facebook.

Várias mulheres postaram mensagens semelhates a essa: "Feliz dia do homem para você que respeita as mulheres, para os demais aguardem o dia das crianças". Não deixa de ser irônico como algumas mulheres são incapazes de um elogio sem uma crítica que a acompanhe. Por exemplo, "Hoje é dia do homem, parabens aos homens!". Qual a dificuldade? Aparentemente, para muitas, isso é impossível.

O que está ocorrendo em nossa sociedade? Seria esse um novo padrão de auto-afirmação feminino? Ou será mesmo que os homens involuíram? Ou será ainda que algumas mulheres, tais como o equivalente em vários homens, dão mais valor a um troglodita bonitão do que a alguém bacana?

Será que as mulheres só agoram descobriram que quem compra sexo não leva amor para casa? De qualquer maneira são apenas divagações. Minha hipótese é que o aumento de renda das mulheres propiciou a elas um novo mundo: o mundo da liberdade masculina. Esse mundo, apesar de maravilhoso, traz uma série de novos problemas que, aparentemente, algumas mulheres estão com dificuldade de lidar.

Enfim, quem não tem maturidade não deve se arriscar na escuridão da noite, ou de maneira mais simplória: quem não quer brincar não deve descer para o play... acho que essa mudança no padrão de comportamento dos sexos deve ser uma área de pesquisa bacana, quem tiver explicações mande para o blog.

sábado, 13 de julho de 2013

Sachsida cede a pressão: Quem é o PIOR ministro do governo Dilma?

Amigos, foram muitos e-mails de reclamação recebidos, alguns em tons de ameaça que perguntavam: por que só a área econômica? Queremos votar em outros ministros também!!!

Em minha defesa, quero dizer que não é fácil fazer uma enquete com APENAS os quatro piores ministros do governo Dilma. Veja bem, são 39 ministros, e escolher apenas quatro entre eles não é tarefa fácil.

Mas, cedendo a pressão, me curvei a essa tarefa hercúlea. Segue a enquete: QUEM É O PIOR MINISTRO DO GOVERNO DILMA???

Ministro da Fazenda - Guido Mantega: sem sombra de dúvidas um dos ministros da fazenda menos preparados de todos os tempos. Ele é tão ruim que suas previsões viraram motivo de chacota internacional. Inovador, o ministro elaborou um ajuste fiscal que aumentou os gastos públicos, fato inédito na história mundial. A seu favor devemos ressaltar que ele venceu a guerra cambial.... para o bem do pais vamos torcer para que ele entenda que outra vitória igual a essa e estaremos todos mortos.

Ministro da Saúde - Alexandre Padilha: um verdadeiro romântico. Com saudade dos velhos tempos trouxe a epidemia de dengue de volta ao Brasil. Como bom patriota, quer trazer de volta ao Brasil os médicos brasileiros formados em Cuba. Não apenas isso, como amor não tem limite, quer que tais médicos voltem ao Brasil sem necessidade de fazer o teste para revalidação de seus conhecimentos (REVALIDA). Desnecessário dizer que esse campeão da defesa da democracia quer obrigar médicos (enfermeiros, dentistas e sabe-se lá mais quem) a trabalhar para o governo.

Secretária de Relações Institucionais - Ideli Salvatti*: a rigor é a única ministra que deu uma contribuição memorável de longo prazo ao Brasil: a dança do Elefantinho!!!! Quem pode se esquecer daquela cena monumental da ministra dançando e comemorando a absolvição, na Camara, de alguns corruptos. A ministra se inspira muito em sua colega do Planejamento, Miriam Belchior, e procura ficar em silencio a maior parte do tempo. Sem dúvida, uma dádiva que não deve ser desprezada. Críticos maldosos dizem que a ministra deveria conversar mais. Contudo, cá entre nós, a ministra calada é uma poetisa.

Ministro da Educação - Aloizio Mercadante: é mais uma contribuição de São Paulo para o bem do Brasil. O que dizer desse gênio paulista??? Bom, o melhor que posso dizer dele é: ao menos não é a Marta Suplicy.

Eu sei, eu sei, a escolha dos quatro piores não é unanime... como deixar o Ministro da Justiça de fora? Ou ainda aquela outra que adora ser seletiva na defesa de direitos humanos??? Enfim, é tanta ruindade que não é fácil.

*: cometi uma gafe aqui... quem fez a dança do elefantinho foi a deputada Angela Guadanin. Assim, confesso que a Ideli Salvatti perdeu parte de seu charme, afinal só sobrou o carinho que ela nutre pelas ONG's.

Mantega se consagra: Prêmio Sachsida do PIOR dos PIORES


Eu bem que tentei dar uma força ao nobre ministro da fazenda, mas não teve jeito.... com incríveis 67% dos votos Mantega foi aclamado como sendo o PIOR entre os PIORES!!!! Em segundo lugar, mas sem ameaçar a liderança de Mantega, chegou Arno Augustin com 15% da preferência popular. Tombini, o craque do BACEN, recebeu outros 10% dos votos. Em último, mostrando que ser invisível tem suas vantagens, chegou a inexpressiva ministra do planejamento Miriam Belchior com 6% dos votos.

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Dia Mundial de Luta: Sindicatos, UNE, e MST não represetam mais ninguém

Qual foi a principal lição a ser tirada do Dia Mundial de Luta? Simples: sindicatos, UNE, e MST não representam ninguém. Notem bem, estamos falando das principais centrais sindicais desse pais, estamos falando da UNE e do MST, juntos não juntaram nem 1.000 pessoas em Brasília, perto de 5.000 no Rio de Janeiro, e menos ainda em São Paulo.

Sindicatos, UNE e MST tiveram tempo para se organizar. E o resultado foi um tremendo mico: praticamente ninguém apareceu em resposta a convocação desses grupos. O PT que amplamente apoiou o evento também mostrou que não reúne mais que um punhado de gatos pingados. A rigor, as manifestações só foram notícia pois interditaram rodovias e vias importantes (o que é um absurdo). No Rio de Janeiro, a notícia foi mais a confusão do que o número de participantes.

A torcida do Londrina reúne mais gente que esses movimentos todos. Sindicatos não representam mais os trabalhadores, a UNE não representa mais os estudantes, o MST não representa (e nunca representou) os trabalhadores do campo, e o PT deixou de representar há muito tempo (se é que algum dia representou) os anseios de parte dos brasileiros.

quarta-feira, 10 de julho de 2013

VideoCast do Sachsida: Médicos Não São Escravos do Governo


Neste vídeo argumento que as propostas do governo Dilma para os médicos se assemelham a escravidão. Médicos, tal como qualquer outro profissional, deve ter o direito de escolher onde quer trabalhar. Clique aqui para assistir ao vídeo.

terça-feira, 9 de julho de 2013

VideoCast do Sachsida: As empresas de Eike Batista e os analistas de mercado


Esse vídeo tenta explicar a relação entre o colapso financeiro das empresas de Eike Batista, os analistas de mercado, e o BNDES. Também levanto dúvidas sobre as previsões elaboradas por analistas de mercado. Para assistir ao vídeo clique aqui.

segunda-feira, 8 de julho de 2013

O Quadrado Mágico e os 4 Fantásticos


Corre um rumor em Brasília de que o Quadrado Mágico é na verdade o famoso grupo de super-heróis: 4 Fantásticos!!!

Será verdade?

Mantega = Sr. "Previsão Errada" Fantástico
Augustin = Ultra "Budget" Man
Belchior = Mulher Invisível
Tombini = Inflation Man

Será que procede? Pessoalmente eu prefiro pensar no Quadrado Mágico de outra maneira:

Augustin = Ultra "Budget" Man
Tombini = Inflation Man

Mantega e Belchior estariam mais para os super gêmeos.... forma de coisa nenhuma diria Belchior, forma de balde de gelo diria Mantega... super gêmeos ativar!!!

sexta-feira, 5 de julho de 2013

Enquete do Sachsida: Quem é o PIOR do Quadrado Mágico?

Vote na enquete ao lado!!!!

Quadrado Mágico é o termo que designa os 4 principais nomes da equipe econômica do Governo Dilma. O Ministro da Fazenda, Guido Mantega, a Ministra do Planejamento, Miriam Belchior, o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, e o secretário do Tesouro, Arno Augustin. Essa é a pior equipe econômica de todos os tempos. Mas quem dentre eles é o pior dos piores?

Ministro da Fazenda - Guido Mantega: sem sombra de dúvidas um dos ministros da fazenda menos preparados de todos os tempos. Ele é tão ruim que suas previsões viraram motivo de chacota internacional. Inovador, o ministro elaborou um ajuste fiscal que aumentou os gastos públicos, fato inédito na história mundial. A seu favor devemos ressaltar que ele venceu a guerra cambial.... para o bem do pais vamos torcer para que ele entenda que outra vitória igual a essa e estaremos todos mortos.

Ministra do Planejamento - Miriam Belchior: uma nulidade sob qualquer aspecto. Segue a risca a regra de Dilbert para a sobrevivência no mundo dos negócios: nunca deixe seu chefe saber que você existe. Não fez nada e chegou ao cargo de Ministra, como em time que esta ganhando não se mexe ela mantém a receita e nada faz. Seu CV tem apenas uma linha: sou viúva do ex-prefeito assassinado Celso Daniel.

Secretario do Tesouro Nacional - Arno Augustin: quando era pequeno confundia soma com subtração. O que seria uma desvantagem na sua vida estudantil logo o qualificou para o cargo de secretario do Tesouro. Onde devia somar ele diminuia, as vezes divide por 3 e tira 5... com essa receita de sucesso é o responsável direto pela completa desmoralização das contas públicas brasileiras. Certa vez, ao ser convidado para sortear os números da megasena, teria exclamado: "Se quiserem a gente pode abater isso do primário".

Presidente do Banco Central - Alexandre Tombini: me lembra do Beijoca no Londrina. Quando o Londrina anunciou que Beijoca seria o novo centroavante foi uma festa na cidade. O cara era goleador, tinha passado por times grandes, seria o homem de referência na área. Depois de três jogos, nenhum gol, e de ter destruído seu quarto de hotel numa festa de arromba, o Londrina despediu beijoca. Tombini me lembra Beijoca...

A enquete está aí do lado, votem!!! Meu voto vai para Beijoca... ops quero dizer Tombini.

Quem é pior: Tombini ou Mantega?

Esse blog sempre foi um duro critico do Ministro da Fazenda, Guido Mantega. O motivo é simples: Mantega é despreparado para o cargo que ocupa.

Esse blog tem sido um duro critico da politica monetária adotada pelo Banco Central. Contudo, nunca questionei a competência técnica de seu presidente, Alexandre Tombini. Tombini, ao contrário de Mantega, tem competência técnica para ocupar o cargo. Infelizmente, por motivos difíceis de compreender, o BACEN vem fazendo de tudo para destruir a estabilidade monetária de nosso país. Em junho a inflação acumulada de 12 meses, medida pelo IPCA, atingiu incríveis 6,7% (estourando inclusive o já altíssimo limite superior de 6,5% da meta de inflação).

Vejam agora a declaração que consta do relatório de inflação:

"O Copom destaca que, em momentos como o atual, a política monetária deve se manter especialmente vigilante, de modo a minimizar riscos de que níveis elevados de inflação, como o observado nos últimos doze meses, persistam no horizonte relevante para a política monetária”, afirma o documento".

Honestamente, parece que estão alienados, vivendo em outro mundo. A inflação ACIMA de 6,5% e o discurso do BACEN se assemelha que o problema é de outro país e que por aqui está tudo bem.

A partir de hoje, quando que me referir a PIOR EQUIPE ECONÔMICA DE TODOS OS TEMPOS, estarei me referindo ao quadrado mágico: Mantega (Fazenda), Belchior (Planejamento), Augustin (Tesouro) e Tombini (BACEN). Realmente, nunca houve nada de tão ruim em cargos tão altos de nosso país.

A propósito, considero Tombini PIOR do que Mantega. Tombini detém conhecimento, e com o conhecimento vem a responsabilidade.

quarta-feira, 3 de julho de 2013

VideoCast do Sachsida: Devemos Permitir que Médicos Estrangeiros Trabalhem no Brasil?


Nesse vídeo explico o porque de ser favorável a que médicos estrangeiros, aprovados no exame (REVALIDA), possam atuar no Brasil. Clique aqui para assistir ao vídeo.

Vale a pena ler de novo: Violência, Insegurança e Ditaduras


No dia 22 de novembro de 2009 escrevi o post abaixo. Acredito que vale a pena reler.

Por que uma sociedade aceita a ditadura? Por que cidadãos conscientes aceitariam abrir mão de suas liberdades em prol de um regime repressor? Essas perguntas são fundamentais para se entender o processo de formação de uma ditadura. Uma ditadura não se forma da noite para o dia. Pelo contrário, é um processo longo em que gradativamente os cidadãos vão abrindo mão de suas liberdades mediante um processo generalizado de aumento da violência e da insegurança. Uma pessoa só abre mão de suas liberdades quando o nível de violência e confusão de uma sociedade atingem níveis insuportáveis.

De acordo com o parágrafo acima, a primeira coisa que grupos interessados em implementar uma ditadura devem fazer é aumentar o nível de violência e confusão de uma sociedade. Só mediante níveis alarmantes de insegurança é que a população passa a clamar por líderes fortes, que inevitavelmente irão concentrar altos níveis de poder com a justificativa de que só um governo forte é capaz de restaurar a ordem na sociedade.

Uma das maneiras mais efetivas de se desestabilizar uma sociedade, do ponto de vista econômico, é por meio do processo inflacionário. Natural então que grupos que almejam uma ditadura pressionem por políticas de gasto público irresponsáveis. Ou então que pressionem pelo relaxamento da política monetária, sob o pretexto de que um pouco de inflação é necessário ao crescimento econômico. O processo inflacionário desestabiliza a ordem econômica e é um importante aliado dos inimigos da sociedade aberta.

Do ponto de vista social, aumentar as taxas de criminalidade é um importante motivador da desestabilização da sociedade. Assim, grupos que almejam o poder ditatorial são também defensores de penas brandas, indultos de natal, criminalização da polícia e de qualquer mecanismo que aumente as taxas de crime.

Desestabilizar a ordem econômica e social de um país é o primeiro passo para se implantar uma ditadura. Fiquem alertas a partidos políticos que defendam tais princípios, eles são os candidatos naturais a implementação de uma ditadura. A maneira da sociedade aberta se defender desses grupos é simples: colocar os bandidos na cadeia e manter a inflação sob controle.

Sachsida Analisa Guerra Mundial Z: É o Filme Definitivo sobre o Comunismo


Em Guerra Mundial Z um vírus se espalha com velocidade alucinante pelo planeta. Os infectados imediatamente passam a dar cabeçadas nas paredes e a perseguir e morder os diferentes. Como se não bastasse isso, o vírus procura os mais saudáveis para explorar. Por fim, na ausência de pessoas não infectadas, os infectados ficam num estado de dormência crônica só alterado pelo ódio que surge na presença de alguém não infectado.

Meus amigos, após analisar profundamente essas características, cheguei a uma conclusão óbvia, só existe um vírus tão letal e de difusão rápida como essa no mundo: o comunismo!!!! Guerra Mundial Z explora com brilhantismo todos os aspectos das pessoas contaminadas pelo comunismo: bater a cabeça na parede, não produzir nada, ódio aos que produzem, vontade insana de destruir, impossibilidade de diálogo... é o perfil completo de um comunista.

Sachsida decreta: Guerra Mundial Z é o filme definitivo sobre o comunismo.

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email