quinta-feira, 28 de maio de 2015

Minha Prestação de Contas sobre a Marcha pela Liberdade

O objetivo desse post é prestar contas sobre meus gastos e sobre minha arrecadação para financiar os custos da Marcha pela Liberdade no Distrito Federal.

Gastos:
1) conta de telefone: 500 reais (inclui a conta do próximo mês que irá vencer)
2) combustível: aproximadamente 200 reais
3) ajuda para pagar jantar: 80 reais
4) ajuda para pagar almoço: 46 reais
5) mesa para assinatura do impeachment: 50 reais
6) limpeza do pavilhão (após o uso da Marcha): 200 reais
7) uma semana de férias do serviço para ajudar na organização e participar da Marcha
Total dos meus gastos: R$ 1.076,00

Receitas:
1) valor recebido de movimentos de rua: ZERO
2) valor recebido de partidos políticos: ZERO
3) valor recebido de sindicatos: ZERO
4) valor recebido de ONG’s: ZERO
5) valor recebido como doação de outras pessoas: ZERO
Total de minhas receitas: ZERO

Saldo: prejuízo de R$ 1.076,00 de meu dinheiro, perda de uma semana de férias, além do enorme volume de tempo dedicado ao evento.

Este post não é uma reclamação. Muitas pessoas gastaram bem mais do que eu, alguns viajaram até Brasília apenas para participar desse evento. Outros se sacrificaram bem mais: largaram o emprego, se endividaram, perderam oportunidades, etc.

Estou prestando contas apenas para que não digam que recebi dinheiro, que estou ganhando por isso. Infelizmente, algumas pessoas tem prazer em transformar um trabalho voluntário bonito em algo sujo. Então que fique bem claro: todos os meus gastos foram financiados EXCLUSIVAMENTE por recursos provenientes de meu bolso. Não recebi um único centavo de ninguém.

Amanhã estarei escrevendo um post sobre as pessoas que ajudaram muito no evento aqui no Distrito Federal. Ressalto que todas elas gastaram dinheiro do próprio bolso, não receberam financiamento de ninguém.

Nenhum comentário:

Google+ Followers

Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email