domingo, 18 de abril de 2010

Comissão Pastoral da Terra

A Igreja Católica tem vários méritos que são recursivamente ignorados pela imprensa e pelo grande público. As primeiras universidades do mundo ocidental, os primeiros hospitais, as primeiras creches, orfanatos e abrigos para idosos e necessitados, tudo começou com a Igreja Católica. A idéia de perdão, de dizer não a vingança, são também iniciativas não menos importantes da Igreja Católica. Apesar de incontáveis méritos, acredito que hoje a Igreja Católica comete um sério erro: a manutenção e o apoio a Comissão Pastoral da Terra.

No site da Comissão Pastoral da Terra (CPT) podemos ler: Na definição de Ivo Poletto, que foi o primeiro secretário da entidade, "os verdadeiros pais e mães da CPT são os peões, os posseiros, os índios, os migrantes, as mulheres e homens que lutam pela sua liberdade e dignidade numa terra livre da dominação da propriedade capitalista". (negrito meu). Ou seja, nas palavras do primeiro secretário da entidade, e que é alardeada no site, a CPT é contra a propriedade privada. Pergunto: desde quando a Igreja Católica é contra a propriedade privada?

Como pode a Igreja Católica apoiar uma entidade que auxilia na invasão de propriedade privada? Como pode a Igreja Católica apoiar uma entidade que ao auxiliar o MST a invadir terrras também acaba sendo cúplice da violência no campo promovida pelas invasões dos sem terra? Como pode a Igreja Católica apoiar um movimento que irá sem dúvida alguma lançar o germe da destruição da própria igreja? O passado é claro, onde quer que a revolução comunista tenha tido sucesso, bispos e padres católicos sempre foram as primeiras vítimas dos revolucionários.

A Comissão Pastoral da Terra apóia a invasão de terras promovida pelo MST. A CPT dá suporte ao MST nas invasões. Durante as invasões o MST DESTRÓI propriedade privada. Durante as invasões o MST MANTÉM EM CÁRCERE PRIVADO pessoas inocentes. Durante as invasões PESSOAS FORAM MORTAS PELO MST. Exatamente por que a CPT, que é uma organização ligada a CNBB, está metida nisso? Aliás, existe dinheiro de doação de fiéis sustentando a CPT? É mais do que justo que os fiéis católicos sejam informados se o dinheiro doado a caridade está financiando a Pastoral da Terra. Quem financia a CPT? Existe dinheiro de fiéis católicos, feito por doações nas igrejas, financiando a CPT?

A Comissão Pastoral da Terra tem que ser reestruturada rapidamente, ou ser sumariamente extinta. É inadmissível uma pastoral, ligada a Igreja Católica, ser cúmplice de um movimento ilegal como o MST, que durante suas invasões promove o terror no campo. A Igreja Católica promove o amor e o perdão, não o revanchismo e o ódio. A CPT deve se desvincular de movimentos que promovam invasões de terra ou ser extinguida.

8 comentários:

Anônimo disse...

Off Topic:

Professor,

Creio que estes videos valham todas as linhas escritas sobre corrupção nos blogs brasileiros neste ano.

http://www.youtube.com/watch?v=tE4tvqRRQ8E&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=pYWSudD21cE
http://www.youtube.com/watch?v=pYWSudD21cE
http://www.youtube.com/watch?v=IUIpWRxCCJ0

É imperdível!!!

O ritmo da jornalista, escritora e deputada estadual pelo Rio de Janeiro é algo impagável!

Diz verdades puras e duras, com uma indignação que se for ensaiada merece aplausos pela excelente atuação, se for real, merece mais aplausos ainda!

João disse...

Ma minha opinião o MST não está ai matando ninguein e sim lutando pelo direito de possuir terra que na verdade é terra nossa e não da merda do governo!

Anônimo disse...

Off Topic:

Professor Adolfo,

Você já leu essa nota? Se for verdade considero um "ASSALTO LEGAL" ao dinheiro e a inteligencia do povo brasileiro.

Poderias esclarecer com sua análise precisa.

Do Blog do Gobetti:
http://blogdogobetti.blogspot.com/

"...que destacou a informação por mim apresentada de que as reservas cambiais já custaram R$ 175 bilhões aos cofres públicos desde 2003."

(...)

"...O propósito de apresentar o custo das reservas era provar que a dívida pública não cresce apenas por déficit público, como parece ser o senso comum disseminado no país. Provei que menos da metade do aumento do endividamento desde 2001 decorre..."

Anônimo disse...

Professor,
Por que a igreja católica tem que defender a propriedade privada?

Por favor, responda.

Ginno disse...

João,

O MST não invade terra do governo, invade terra privada.

Anônimo,

Porque você deve defender a SUA propriedade?

André Greve disse...

Adolfo, 'who let the dogs out?', modera esses comentários petralhas ai.

O comentário do João, se não tivesse 1 erro de português por linha seria uma pérola digna do pensamento acaciano. hehehehe

A doutrina da igreja católica é a favor da propriedade privada e contra o comunismo, existem várias bulas papais sobre o assunto. Esses padres comunistas brasileiros não falam pela igreja, embora utilizem seu prestígio para enganar as pessoas.

craudio disse...

Anônimo,

A Igreja Católica defende a propriedade privada, pois o direito de propriedade é natural e dado por Deus e faz parte dos mandamentos "não cobiçar as coisas alheias".

O Catecismo Romano, em sua III Parte, Capítulo 10 nos ensina que "O Preceito nos proíbe aspirar gananciosamente às riquezas, e invejar a opulencia, o poder e a nobreza dos outros; manda, pelo contrário, contentar-nos com a nossa condição, qual que ela seja, humilde ou elevada".

Nosso amigo André, logo acima, foi preciso: a Igreja Católica CONDENA o comunismo !

Aquele que se declara comunista ou socialista deixa de ser católico, logo a pastoral da terra NÃO É CATÓLICA, assim como a CNBB não é católico.

Nenhum católico deve submissão às pastorais, que são infiltradas de mensagens como a "Boa Nossa em Nossas Vidas" que a pastoral da UCB nos distribui e que, na verdade, são mensagens socialistóides que de católico não tem nada!

Para finalizar, gostaria de lembrar de Nossa Senhora de Fátima, quando apareceu aos videntes, em 1917, disse que a "Russia espalhará seus erros pelo mundo".

Nossa Senhora condena o comunismo. De que lado estamos? De Nossa Senhora, mãe de Cristo ou do regime ateu de Mao, Lenin e Stálin?

Abraços!

Anônimo disse...

A igreja católica é um dos maiores detentores de terra no Brasil. Seu apoio ao MST tem como objetivo evitar invasão de suas propriadades, visto que existem acordos entre estas duas instituições neste sentido. A recomendação católica ao MST e que as invãsões podem ocorrer desde que não seja às terras da coisa católica.

Google+ Followers

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Follow by Email