terça-feira, 6 de novembro de 2012

Uma Sugestão para a Copa do Mundo no Brasil

O Sachsida é e sempre foi contra a realização da Copa do Mundo no Brasil. Mesmo hoje, acredito ser melhor para o Brasil desistir da realização da Copa. Isso mesmo, se dependesse de mim mandava um FAX pra FIFA dizendo: “Antes de construirmos estádios precisamos construir escolas, hospitais, creches, infra-estrutura, etc. Sendo assim, estamos desistindo de realizar a Copa do Mundo de 2014”.

Dado que o governo parece não aceitar essa sugestão, dou então uma segunda dica: VAMOS REDUZIR O NÚMERO DE SEDES DE 12 PARA 8!!! A Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, foi realizada com 8 sedes. Então para que gastar dinheiro público em 12 sedes? Por que investir em 12 estádios se podemos fazer a Copa com apenas 8?

A Copa do Mundo de 2014 no Brasil é uma má idéia. Não faz o menor sentido do ponto de vista econômico um país pobre gastar recursos públicos, que fazem falta em outras áreas, na construção de estádios que não serão usados após a Copa. Mas, dado que a Copa vai ser realizada aqui, então vamos ao menos reduzir o desperdício de recursos públicos!!! A maneira mais evidente de fazer isso é reduzindo o número de cidades sede de 12 para 8.

14 comentários:

Leonardo Monasterio disse...

Po, Adolfo, proposta modesta. A minha idéia é:
- Transferir a copa para Londres;
- Fazer um sorteio na população para escolher 60 mil brazucas que irão para Londres com tudo pago para assistir todos os jogos do Brasil.
- Sairia mais barato do que a copa aqui e as chances da seleção canarinho ganhar seriam maiores.
Pena que ninguém me ouve....

Anônimo disse...

Duas perguntas:
- O que vamos fazer com o estádio de Brasília depois da Copa?
- Quanto tempo levará até que o estádio de Brasília esteja sucateado igual o autódromo de Brasília?

Anônimo disse...

Por incrível que possa parecer,tenho amigos que acreditam que acreditam que a FIFA está dando dinheiro ao Brasil para construir as sedes!

Isso é hilário!

Anônimo disse...

Por mim teriam sedes apenas onde existe futebol, então em Rio, Sp, Mg e RN, estados como a Bahia e Pernambuco também seriam boa opções, e talvez o Pará, Coritiba e Santa Catarina tbm.São os únicos que possuem times grandes e de tradição e que justifiquem os gastos no estádios.

Anônimo disse...

Agora, não, né Sachsida?

Muitos estádios já estão com mais de 80% prontos.

Acho que agora já é tarde, infelizmente!

O estádio do DF pode ser bem usado, basta promoção e parcerias.
Sugestões: trazer 1 jogo de futebol de times grandes por mês e 1 grande show nacional/internacional por mês.
Garanto que lota!

Problema mesmo é Manaus, Cuaiabá etc.

Abraços,
O anônimo constante.

Anônimo disse...

Bom texto. Só iria mais longe e diria que não se deve por dinheiro público em estádios, sob hipótese alguma. O futebol profissional é um negócio privado. Ainda que fossêmos o país mais rico do mundo, os clubes têm receitas enormes e têm todas as condições de construir e manter seus próprios estádios. Além disso, é imoral gastar o dinheiro público, arrecadado de todos, em uma atividade que nem todos apreciam ou concordam que é essencial.

Anônimo disse...

Adolfo, ta de sacanagem?

O bom petista tem que ter muitas obras para roubar mais dinheiro!

Anônimo disse...

Não sei não, essa história de 80% pronto. Quem já construiu sabe a dor de cabeça e o custo quando o imóvel chega na fase do acabamento . E alguns estádios não estão nem perto disso... E o tempo agora tá bom, e quando chegar a chuvarada...

Anônimo disse...

O Anônimo que falou do Estadio de Brasilia acha que é só contruir um estádio que os times grandes vao vir jogar aqui.
Esqueceu que ja temos o estádio no Gama, que é muito grande, reformado recentemente e que não teve nenhum jogo importante nos últimos 3 anos?
O Estádio de Brasília é um elefante branco que vai ficar no meio da cidade e a cada 6 meses vai receber um show ou uma micareta.

lgn disse...

panis et circenses, sempre.

Anônimo disse...

Talvez enviar para a Argentina ou para a Grécia.

De todo modo, conhecedores que devemos ser do Brasil, sem Copa, Olimpíadas e qualquer outro tipo de gastos supérfluos, não teríamos mais gastos em Educação, Saúde, Saneamento, Infraestrutura...

Sem Copa, pelo menos ficaríamos sem só mais um sumidouro de gastos vultosos e desnecessários.

Anônimo disse...

O estádio do Gama não é grande (20 mil pessoas) e é MUITO LONGE.
O estádio novo é no Plano Piloto, melhor localização no DF é impossível!
Aqui é a capital federal do país do futebol!

Claro que não basta construir o estádio.
Nunca achei isso que você disse.

E teria sido melhor se o estádio fosse menor (mas há as malditas exigências da Fifa).

Se vai ser usado ou não, vai depender das empresas, associações e do GDF.

Demanda para grandes eventos - gente com renda e interessada nisso, tem.

Paloma disse...

Concordo plenamente com sua ideia, mas o país do futebol tem q mostrar q é capaz de fazer uma Copa memorável kkkk, e a meu ver, será tão memorável que a educação, saúde e segurança vão “para o espaço” e lembraremos-nos disso para sempre, é clichês, mas a pura verdade: “as crianças de hoje são o futuro de amanhã”. E a educação é a base para tudo, para se ter bons profissionais na saúde e na segurança que acredito que são pontos estruturais básicos para um país.

Paloma Feitosa

Paloma disse...

Concordo plenamente com sua idéia, mas o país do futebol tem q mostrar q é capaz de fazer uma Copa memorável kkkk, e a meu ver, será tão memorável que a educação, saúde e segurança vão “para o espaço” e lembraremos-nos disso para sempre, é clichês, mas a pura verdade: “as crianças de hoje são o futuro de amanhã”. E a educação é a base para tudo, para se ter bons profissionais na saúde e na segurança que acredito que são pontos estruturais básicos para um país.

Google+ Followers

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Follow by Email