sábado, 6 de setembro de 2014

A Longa Marcha do Banco Central para o Brejo

Não é a primeira vez que critico o Banco Central. O diretoria do BACEN certamente é responsável direta pelo aumento da inflação e pela deterioração das expectativas.

A inflação do IPCA acumulada em 12 meses atingiu 6,51% estourando o teto da meta. Sabem o que o BACEN está fazendo para recuperar sua credibilidade? Sabem o que o BACEN está fazendo para controlar a inflação? Não meus amigos, não!!! Vocês erraram!!! Não, o BACEN não está aumenta a taxa de juros. Não, o BACEN não esta restringindo o crédito. Não, o BACEN não está pressionando o Ministério da Fazenda para gastar menos.

Para recuperar sua credibilidade e abaixar a inflação o BACEN decidiu PROCESSAR quem reclama da péssima política monetária adotada pelo Banco Central Brasileiro. Isso mesmo, os "gênios" baceanos acreditam que calar os críticos é o que irá restaurar a credibilidade perdida.

Deixo aqui registrado meu apoio a Alexandre Schwartsman pelo belo trabalho feito em apontar as inconsistências do BACEN e da política econômica do atual governo. Registro aqui também a vergonha por saber que o BACEN tentou calar Schwartsman por meio de um processo judicial.

8 comentários:

Anônimo disse...

Adolfo,
acabei de ouvir a entrevista que vc fez com o Alexandre Schwartsman.
Vocês dois são ótimos.
Confesso que o finalzinho dela me emocionou. Agora, portanto, é a minha vez de lhe agradecer pela sua atitude e por seu trabalho.
Obrigada, Adolfo.
Abr.
Bel

Alex disse...

Obrigado pela força Sachsida!

Noto, para os amigos, que a queixa-crime contra mim foi rejeitada pela juíza federal, ou seja, sequer há um processo; apenas uma intenção de processo.

Fatos ainda falam mais alto. Ainda há juízes em Berlim.

Abs

Adolfo Sachsida disse...

Grande Alex,

Realmente foi absurdo isso.

Um grande abraco e manda ver no excelente trabalho que você tem realizado!!!

Adolfo

Adolfo Sachsida disse...

Obrigado pelo apoio Bel!!!

Adolfo

Adolfo Sachsida disse...

Obrigado pelo apoio Bel!!!

Adolfo

Anônimo disse...

Tem que processar mesmo!!!! É São-Paulino!!! kkkkkkkkk

Vânia Luz disse...

Mais quatro anos de governo petista e o Brasil entra em ditadura oficial.
Eu também apoio o Alexandre Schwartsman

Reginaldo Lyman disse...

No último dia 3 de abril, Leonardo José Rolim, técnico da Previdência, foi exonerado do seu cargo, porque confrontou a projeção de déficit feita neste ano avaliando a conta feita pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega, como “subestimada” e “irreal”.

Google+ Followers

Gadget

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Follow by Email